sábado, 8 de outubro de 2011

Uso de anticoncepcionais em cadelas e gatas

Com grande frequência pessoas me fazem perguntas do tipo: 
- Com que idade eu posso aplicar injeção na minha cadela (ou gata) para ela "não pegar cria"  "não emprenhar" ou "não engravidar"?
ou
- Minha cadela (ou gata) teve filhote há "tantos dias" quando eu posso aplicar injeção para ela ...?

Infelimente o uso de anticoncepcionais é uma prática comum,e,  para a mioria dos proprietários, é uma medida  "barata", cômoda e segura, porém na realidade não é bem assim!

Os anticoncepcionais são encontrados no mercado pet, principalmente na forma de comprimidos ou, mais frequentemente, injetáveis, estes chamados de "vacinas" pelos proprietários. Geralmente são comercializados sem prescrição, e aplicados por balconistas ou pesoas sem nenhuma capacitação. E o barato sai caro!

O que muitas pessoas não sabem, é que há uma período "adequado" para a aplicação (entendam, mesmo no período "adequado" há sérios riscos para a saúde de seu animal), e a definição deste etapa, nem sempre é tão fácil de ser definida, especialmente em gatas. Não raramente, as pessoas aplicam estes produtos quando o animal já se apresenta em cio, fase na qual a efetividade é bastante limitada e sua ação danosa se torna mais grave. Em gatas, muitas vezes, a aplicação é realizada quando estas já se encontram prenhes, e em praticamente na totalidade dos casos, ocorre a morte dos fetos e o desenvolvimento de infecções o que pode inclusive ocasionar a morte do animal.

São também comuns os problemas relacionados ao desenvolvimetno de tumores, diabetes, obesidade dentre outras decorrentes do uso dos anticoncepcionais.

Por estas e outras razões que vivencio no dia-a-dia da clínica é que a minha resposta para as perguntas citadas no início deste post é sempre: NUNCA!

Mas então, se não posso aplicar anticincepcional, como evitar uma cria indesejada?

A forma mais  eficiente para se evitar todos este inconveniente é a castração. Compreendo o temor de muitos proprietários, afinal todo procedimento cirúrgico tem um certo risco, porém, as vantagens são inúmeras, e o risco, apesar de existir, é mínimo.

Dentre as muitas vantagens oferecidas pela castação temos:

- Quando realizada antes do primeiro cio, há redução em torno de 98% do risco de desenvolvimento de tumores de mama;

- Redução dos riscos de infecções de útero;

- Eliminação do risco de transmissão de doenças por via venérea;

- Inibição de comportamento de cio (vocalização, em especial nas gatas).

Há ainda o mito de que animais castrados engordam. Fato: isto pode ocorrer, porém este problema pode ser previnido com atividade física e controle de alimentação.

Quanto à idade ideal para a realização do procedimento, recomenda-se que seja realizado, preferencialmente, entre 5 e 6 meses de idade, podendo, no entanto,pode ser realizado a qualquer tempo após este período, principalmente, em função do desaconcelhamento de gestação em animais  com mais de 8 anos, porém, os benefício são mais evidentes se o procedimento for realizado antes do primeiro cio.

Portanto, a castração é uma medida que oferece grandes vantagens para a saúde e para o bem-estar de seu animal. Pense nisto, e, em caso de dúvida, procure um médico veterinário de sua confiança.


Juracir Bezerra Pinho
Médico Veterinário

Imagem: http://f.i.uol.com.br/folha/bichos/images/0906384.jpg

40 comentários:

  1. Muito bom! Já tive uma gata, e por falta de informação, aplicava injeção nela, o que acabou resultando em tumores, e tive que sacrificá-la. Hoje tenho outra gatinha, que achei melhor castrá-la nessa própria clínica!
    Recomendo muito!
    Um grande abraço ao Dr. Juracir, médico veterinário muito competente!

    ResponderExcluir
  2. Ótimas dicas, obrigado!

    ResponderExcluir
  3. Obrigada pelas informações. Foram de grande importância, pois estava desorientada.

    ResponderExcluir
  4. se eu optar em aplicar injeição na minha gata tem que que aplicar de quantos em quantos meses?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os anticoncepcionais injetáveis são tão maléficos para o animal que eu, sinceramente, não recomendo sob nenhuma circunstância e em nenhuma idade. Pense na cirurgia como melhor alternativa.

      Excluir
    2. Minha gata tem 6 messes e eu acho que ela esta cio eu posso aplica a vacina ante cio?

      Excluir
    3. Não. Realmente não recomendo o uso de anticoncepcionais...

      Excluir
  5. obrigada pelas informações...foram de grande valia.

    ResponderExcluir
  6. obrigada pelas informações, gostaria de saber o custo desta cirurgia, minha cachora tem seis meses e está no primeiro cio.

    Att,
    Mércia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O custo da cirurgia varia de lugar a lugar. Há locais que contam com ongs e/ou faculdades de veterinária que fazem este procedimento a preços mais acessíveis (em alguns destes locais o procedimento é gratuito). O custo varia conforme o porte do animal (o peso interfere no consumo de material, anestesia etc) e mesmo do local onde é realizado.No geral fica em torno de R$ 250,00 a R$ 500,00.

      Excluir
    2. desculpe pela falta de conhecimento sobre o assunto mas achei um gato de rua e fiquei com ele mas ele esta arranjando muita encrenca estou com medo do pessoal bater e fazer outro tipo de maldade com ele tem algum remedio para acalmar ele ,penso no trabalho q vai dar só de segurar ele para dar banho ja é uma luta imagina operar ,fiquei sabendo que tem uns cuidados a serem tomados pois cirurgia de castração,isso é verdade? talvez ele nem va resistir.

      Excluir
    3. A castração é recomendável pois, geralmente, animais castrados tem menor necessidade de ir à rua em busca de parceiro, reduzindo assim os riscos. Outro ponto importante é o enriquecimento ambiental. Disponibilizar para o animal arranhadores, prateleiras (há muitos modelos na internet), brinquedos, em fim, oferecendo uma maior variedade de recursos no ambiente domiciliar irá fazer com que ele fique mais tempo em casa. Não recomendo uso de medicamentos sem indicação clínica, neste caso específico, o recomendável é realmente castração e enriquecimento ambiental.

      Excluir
  7. Mesmo que o senhor seja contra, poderia ter respondido a pergunta do outro anônimo, para que o mesmo não tenha a iniciativa de dar a injeção sem conhecimento nenhum.
    Se eles são tão danosos, porque a venda é liberada e não proibida?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que não deixei de responder nenhuma pergunta... Bem quanto À questão da manutenção deste tipo de produto no mercado, sem dúvida alguma há uma grande fragilidade nos mecanismos de regulação da produção e comércio de produtos veterinário, sem contar a pressão econômica de laboratórios. Este questionamento faço sempre, não apenas em relação aos anticoncepcionais, mas também a uma gama de produtos como os "antitóxicos", vacina (acesse: http://clinicaamicao.blogspot.com.br/2011/08/importancia-das-vacinas-para-seus.html e saiba mais ), dentre outros. Apesar destes produtos não terem efeito, não possuirem garantias mínimas de qualidade e eficiência, e em casos mais graves, causarem grandes danos à saúde dos animais, sua venda é livre, e muitas vezes feitas no balcão, o que é um absurdo. Infelizmente o Brasil tem destas coisas... Não podemos nos conformar e lutar contra este tipo de absurdo...

      Excluir
    2. E´verdade o senhor não respondeu a partir de q idade pode vacinar o filhote ou a fêmea pós gestação.Eu acho q o senhor poderia responder sabe por que crio cadelas há muitos anos tive uma em especial q roubei dos donos que judiavam dela espancando ela com pedaço de pau ,e mataram uma irmã dela jogando a coitada dentro de uma cisterna , e quebraram a pata dessa q peguei e que morreu de tanto ter filhotes e foi muito traumatizante para mim e minha família vermos a nossa Tieta falecer de modo tão triste , ela morreu gritando e nos nada podíamos fazer, depois q colocou o útero para fora veio a falecer , poxa se por acaso algum balconista dessas lojas de produtos para animais tivessem me dito q havia anticoncepcional para evitar filhotes com certeza aplicaríamos nela ,quem sabe evitaria uma morte tão triste como foi o caso dela ,mas depois q descobri q existe esse remédio já tivemos mais 5 cadelas e nenhuma pariu um filhote se quer ,morrendo umas de coração a outra morreu dormindo,eu sempre compro remédio de vermes,shampoo anti pulgas e agora é claro anticoncepcional em ampola ,sim senhor e aplico de seis em seis meses .Fico muito triste com sua atitude! Pego bichos abandonados pelas ruas e cuido deles principalmente fêmeas,não compro acho desperdício tantos animais abandonados pelas ruas e as pessoas comprando bichos .E também vou dizer uma coisa as pessoas querem gastar com elas próprias não compram nem ração pro seus bichinhos ,e se tem q tirar alguma coisa do mercado tira uma ração horrível chamada Puruca ,parece areia aquilo deve fazer um mal horrível pros cachorros já conheci duas familias que davam aquela droga para os cachorros e ainda espancavam os bichos por não querer comer aquela porcaria me deram os bichos e aquela droga de ração joguei pros cães de rua e eles não comeram ficou criando uns bichos brancos . passeia dar outra ração e os bichos ficaram fortes bonitos e uma das famílias me tomou o bicho de volta mais devolvi com a condição de tratar o bichinho direito ,agora esta tudo bem .

      Excluir
    3. Acho que a postagem em si já responde esta pergunta. Eu, pessoalmente, sou terminantemente contrário ao uso destes produtos. OS danos são infinitamente superiores aos benefícios, e digo por experiência de clínica que, um animal que toma anticoncepcional para economizar a cirurgia, acaba gastando muito mais para corrigir os danos causados pela "injeção". Será que as mortes de seus animais foram realmente por causas não relacionadas ao uso de anticoncepcionais. Quanto à qualidade dos produtos (ração) é claro que há rações de péssima qualidade, infelizmente a legislação brasileira em relação a produtos de uso veterinário e rações em geral é extremamente falha. Não há padrões de qualidade confiáveis e muitas mascas duvidosas estão no mercado. De qualquer forma, é fundamental que uma pessoa, ao decidir se responsabilizar por um animal, deve ter consciência que este gerará custos. Nem sempre a solução mais barata é a melhor para o animal, e quase sempre não é, inclusive no tocante ao controle reprodutivo.

      Excluir
  8. minha gata teve filhotes a um mes quando posso castra-la....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O ideal é que seja realizado logo após o desmame, em torno de 45 a 50 dias.

      Excluir
  9. eu tenho uma gata que ja teve filhotes e agora ta prenha de novo,nao quero mais filhotes e tbm nao tenho dinheiro para castrar o que eu faço,me de uma resposta urgente!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dependendo de seu local de residência, diversas ONGS, faculdades, e outras instituições realizam este procedimento gratuitamente ou a preços reduzidos, procure se informar. Diversas clínicas particulares aceitam parcelamento. De qualquer forma não deixe de fazer a castração de sua gatinha, ela só terá a ganhar.

      Excluir
  10. Olá, adorei conhecer esse espaço... Tenho um casal de pitbulls, ele com 1 ano e 10 meses e ela com 1 ano e 8 meses.. ela teve apenas 1 cio até agora, que foi em fevereiro, periodo em que separamos os dois.. após isso por aconselhamento da veterinaria, em maio tivemos a infeliz decisão (pelo que li aqui) de aplicar a tal "vacina" para que ela não pegasse cria, pois estavamos nos mudando e não saberiamos se no proximo cio dela ja teriamos um lugar adequado para que ela tivesse os filhotes... Agora ela acaba de entrar no cio novamente, tem algum risco se ela pegar cria? nossa idéia é que ela tenha uma cria.. e após isso castraremos os dois.. minha duvida é se mantenho os dois afastados e aguardo o proximo cio, ou se nesse ja passou totalmente o efeito da tal vacina...Obrigada desde já, principalmente por essa informação.. eu achei que pudesse confiar nos conselhos da veterinária que levavamos eles.. pelo visto me enganei..
    Mara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Mara:

      Mesmo que sua cadelinha tenha tomado o anticoncepcional, este cio que ela está apresentando pode ser fértil sim, e portanto ela pode emprenhar. A decisão é sua. Só lembrando que ao contrário da crença popular que "animal que não cruza adoece" é muito mais fácil um animal adoecer por ter cruzado, se contar os riscos inerente à uma prenhez, bem como os problemas advindos de uma ninhada inesperada. A decisão de castrar é excelente e a mais indicada no seu caso, que mantém um casal em casa. Parabéns pela sua atitude

      Excluir
  11. Tenho duas gatas e iria aplicar as injeções só que queria mais informações e aqui achei muito obrigada!
    No caso tenho 5 gatos duas fêmeas e 3 machos.
    pelo visto vai sair caro rs.. mais fazer o que eu amo esses bichanos =D

    ResponderExcluir
  12. Boa tarde.

    Pessoalmente, sou favorável à realização de campanhas públicas de castração, e estas já ocorrem em muitos lugares do Brasil. Verifique se onde vc mora não tem nenhuma ONG ou instituição que realize este procedimento. Outra alternativa é falar com seu veterinário, de repente como são muitos animais ele lhe faça um um valor mais em conta... Boa sorte.

    ResponderExcluir
  13. Sabe hj meu pai deu essa vacina na minha gata, e ao ler isso fiquei preocupada... ela corre muitos riscos??? ela tem 6 meses e tava entrando no cio... por favor me tire essa dúvida, tenho medo do que pode acontecer com minha gatinha !! :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho vistos graves complicações, como hiperplasia de glândulas mamárias, em casos como o que vc nos relata. Caso vc observe alguma alteração, procure um veterinário de sua confiança, e se possível, providencie logo a histerectomia de sua gatinha.

      Excluir
  14. QUANDO SE TEM UM CASAL DE CACHORROS É NECESSÁRIO CASTRAR OS DOIS OU APENAS A FEMÊA?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quanto À decisão de castrar vc deve considerar alguns pontos. O primeiro: você deseja filhotes de algum dos dois? Se a resposta for positiva, então a cirurgia é contra-indicada, para aquele do qual vc deseja ter filhotes. Se a resposta for negativa, então a minha recomendação é: se possível castre os dois. Para a fêmea, será uma medida protetiva contra alguma prenhez indesejada, além de atuar como fator de proteção contra várias doenças. Para o machinho, reduzirá a ansiedade - notadamente caso alguma fêmea entre no cio na vizinhança, já que eles conseguem sentir o odor dos feromônios por elas liberados pelo ar, e podem se tornar inquietos e ansiosos. Além disto, o machinho castrado terá menos chance de fuga, e caso isto ocorra, ele não entrará em conflito com outros machos em função de fêmeas e não será exposto aos riscos inerente à reprodução descontrolada, como algumas DST's, por exemplo. Sem contar no aspecto comportamental e de demarcação de território. Então, recomendo castrar os dois.

      Excluir
  15. to cuidando de um cachorra que fica no meu portao.e queria dar ela uma injeção pra não criar porque qndo coloco ela pra dentro fica chorando para sair acho que e porque tem pouco espaço.vou me mudar daki 5 meses para minha csa que ta quase pronta e leva-la .tem problema se eu der a injeção so desta vez estou.é que no momento estou sem condiçoes de castra-la.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente a aplicação destes produtos é muito danosa. Realmente não recomendamos.

      Excluir
  16. Quando a cadela está prestes a entrar no cio isto fica evidenciado pelo sangramento e pelo aumento da vulva do animal, o qual fica edemaciado. Eu sou tão radicalmente contra, que realmente não recomendo. Observe e caso ela manifeste sintomas mantenha-a presa, é por pouco tempo.

    ResponderExcluir
  17. Concordo quando vcs da Amicão dizem que as injeções são maléficas eu jamais aplicaria em minha gata. O problema que muita gente passa caro doutor ou doutora é o seguinte. Vou lhe passar o meu exemplo. Já temos 3 felinos todos castrados. Agora alguma alma largou 2 fêmeas aqui na minha residência eu estou tratando elas e no caso de uma castração seria 400,00 cada. Resultando 800,00. E durante este ano as pessoas veem que eu gosto de animais e tendem a largar bichos aqui. Por ano devo receber e encaminhar pra doar uns 8 no mínimo. Então pensa cmg, se eu for castrar todo bicho que soltam vou ter que trabalhar pra isso ou vender meu carro. Muita gente passa por isso... castrar o seu bicho de estimação é uma coisa. Agora sair castrando todo bicho que largam no seu portão é diferente, ai que entra a opção da injeção que é mais barata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando falamos dos riscos e nos postamos contra o uso destes produtos, nos baseamos na vasta literatura existente, mas principalmente, na vivência clínica, onde constantemente nos deparamos com animais com graves problemas de saúde decorrentes do uso destes produtos. Quanto ao custo, este é inegável, porém, sempre pode-se buscar o apoio de ONGs e mesmo instituições (como faculdades, hospitais veterinários públicos, já existentes em algumas cidades do Brasil (poucas, infelizmente) que realizam estes procedimentos a custo reduzido. É inegável que se faz necessário também uma mudança nas práticas de saúde público no que se refere aos animais, acabando-se com a a prática de eutanásia de animais sadios como base para os programas de controle populacional e adotando a castração gratuita e a educação como estratégias principais. Parabéns pela sua atitude cuidando dos animais.

      Excluir
  18. Tenho uma gata persa de 1 ano e um macho da mesma idade. Ela esta no cio, gostaria de utilizar um anticoncepcinal e esperar alguns meses p/ que ela tenha um filhote e depois castra-la. Pois os dois sao muito bonitos. Mas como proceder!?!

    ResponderExcluir
  19. Sinceramente, não recomendo o uso de anticoncepcionais, dados os riscos à saúde do animal. Você só quer um filhote, e os demais? Verifique se é realmente isto o que vc deseja. Vc tem uma situação bem especial e de difícil condução que é um casal na sua casa. Se houver algum grau de parentesco, a reprodução entre eles não é recomendável, por mais bonitos que sejam... De qualquer forma tente mantê-los em locais separados...

    ResponderExcluir
  20. tenho um lhasa macho de 1 ano e 5 meses e acabei de comprar uma femea de 2 meses para cruzar mas não queria que acontecesse no primeiro cio, como faço para evitar? sera que se eu der anticocepcional apenas uma vez para evitar o primeiro cio vai ser muito prejudicial a saude dela?

    ResponderExcluir
  21. Sim. Em especial no primeiro cio, quando o organismo do animal e os processos hormonais da reprodução estão em pleno desenvolvimento...

    ResponderExcluir
  22. Queria saber por que as mulheres podem tomar anticoncepcionais e gatas e cadelas não podem .Tem diferença os medicamentos?

    ResponderExcluir